Hábitos que condicionam o futuro!

A vida é feita de escolhas, e os nossos hábitos são uma das escolhas (nem sempre intencionais e conscientes) que condicionam a qualidade da nossa vida e dos nossos resultados. Fazer melhores escolhas e ser consistente na sua operacionalização é a fórmula para criar melhores hábitos que terão inevitavelmente impacto no nosso futuro! Os nossos hábitos atuais vão determinar o nosso futuro!

Descobri que as pessoas felizes e de sucesso têm hábitos positivos e de sucesso, as pessoas sem sucesso e infelizes já não! Eu quero ser uma pessoa de sucesso e feliz e por isso desenhei um plano para garantir maior qualidade nos meus resultados e no meu futuro! Tu podes fazer parte dele, interessado/a?

Comecemos por definir o hábito. Um hábito é algo que repetimos várias vezes, de forma consistente, ao ponto de se tornar fácil, é um comportamento que se repete de forma quase automática! Nós somos criaturas de hábitos: quando dá por si a tomar café todos os dias de manhã antes de ir pro trabalho; quando apesar de ter decidido ir por outro caminho na estrada dá por si a percorrer o caminho de sempre, quando vai ao ginásio todos os dias à mesma hora, quando perante uma atitude do companheiro/a habitual, reage virando as costas, etc, tudo isto são hábitos!

Quando pensamos em hábitos positivos há 2 variáveis que devemos ter presentes:

A – Quando algo é relevante para si na sua vida (ex. ter saúde) deve definir um conjunto de comportamentos mínimos não negociáveis, ou seja, hábitos que a vão ajudar a alcançar o que pretende e que vai manter, aconteça o que acontecer, pois consegue perceber os ganhos (que regra geral não são imediatos mas sim a longo prazo) – teoria do prazer a longo prazo!

B- Deve também consciencializar e eliminar qualquer hábito que seja nocivo, pois nem sempre são visíveis os seus efeitos negativos de forma imediata (ex. gastamos dinheiro que não temos, compramos coisas que não precisamos, dizemos coisas que não queremos pois dá prazer no momento e nem sempre tem consequências imediatas) – teoria da gratificação imediata!

Pois bem, como se processa então a mudança de hábitos?

1- Como funcionam os bons hábitos

Desenvolver um novo hábito, leva o seu tempo. Dizem os estudos que, para pequenos ajustamentos comportamentais, o período entre 21 e 30 dias é o ideal. (o mesmo já pode não funcionar com mudanças mais complexas). Depois da repetição consistente neste período de tempo dum novo hábito, fica mais difícil não o fazer que faze-lo. Uma vez alguém me perguntou quantas vezes teria que repetir o novo hábito para que o antigo fosse eliminado. A resposta foi simples: “Tantas vezes quantas fez o hábito antigo, mais uma!” Os principais aliados na criação de hábitos positivos são: o tempo, a consistência, e a resiliência para voltar ao processo sempre que houver uma recaída.

O meu desafio: em 2017 vou implementar 12 novos hábitos positivos na minha vida. Na proporção de 1 por mês, vou desafiar os meus seguidores a participarem com ideias para algumas mudanças (em breve vou partilhar no facebook e no site o projeto Inspirar Mudanças Positivas para 2017 e o Programa Mudar Hábitos para Melhor) e comprometer-me mensalmente a partilhar e monitorizar os resultados. Quero e vou ser um exemplo pois acredito que ao adicionar este 12 novos hábitos positivos nas minhas rotinas, vai fazer a diferença nos meus resultados. Quem alinha?

“A mudança consistente de pequenos comportamentos, pode ser a alavanca para a qualidade das nossas vidas futuras!” (NM)

2- Como identificar hábitos negativos

É muito fácil, quando decidimos parar e pensar sobre o assunto. Mau hábito é tudo o que faço com regularidade e sem esforço e que de todo funcionam em meu beneficio: ou porque não me aproxima das minhas metas ou porque não me faz sentir melhor! Pode também ser aquele comportamento bom do agora e mau do depois! (ex. fique atento a expressões como: não devia ter comido isto, não devia ter dito aquilo, vai ser bom agora mas depois, etc)

O meu desafio: Fiz uma lista de todos os hábitos que associo à improdutividade e que quero mudar, assim como de todos os que me afastam dos meus objetivos e que me impedem de sentir mais emoções positivas e obter resultados. Que tal fazer a sua lista também?

“A nossa consciência dos comportamentos por vezes é distorcida mas o comportamento que exteriorizamos esse é sempre verdadeiro!” (NM)

3- Como alterar hábitos negativos

A melhor forma e a mais económica é estudando e modelando Pessoas de Sucesso que já produzem os resultados que desejamos e que já tem os hábitos que pretendemos. O que é que elas fazem? Como fazem? Quais são os seus rituais e hábitos? Para mudar um hábito de forma permanente é deveras importante que cumpra 3 passos: solicitar ideias, ter várias opções e escolher a melhor; ter claro qual o seu objetivo a alcançar e que melhoria quer sentir e qual vai ser o retorno e a gratificação dessa mudança!

O meu desafio: listei meia dúzia de pessoas que me inspiram pelos rituais que tem e entrevistei-as para que me dessem sugestões. Foi tão gratificante que decidi envolver todos os meus seguidores e lançar um quiz no facebook para ter mais sugestões. Todos os meses vou me focar numa emoção que quero alavancar na minha vida e em pequenas mudanças que me vão ajudar a tê-la mais presente – no mês de Dezembro vamos trabalhar a Gratidão!

“ A mudança de hábitos é um trabalho permanente que engrandece e dá sentido positivo á vida para quem se compromete!” (NM)

4- Transforme maus hábitos em hábitos de sucesso!

  • Há que ser consistente.
  • Há que identificar claramente os hábitos negativos e as suas consequências caso não decida muda-los, numa escala de medio e longo prazo.
  • Há que definir novos hábitos com base naquilo que quer ter mais na sua vida, defina objetivos claros, associe-lhes o benefício e o motivo para a mudança, torne-o tão apelativo que seja quase estupido não o implementar de tão óbvio que é o ganho.
  • Crie um plano de ação com pelo menos 3 ações especificas que vai por em prática.

“O mundo há minha volta muda no preciso momento em que eu decido mudar! Se já és o maior da tua rua, muda para uma rua melhor!” (NM)

Se quiser participar no projeto Inspirar Mudanças Positivas em 2017 e ser um dos meus aliados, se quiser receber o Programa “Mudar Hábitos para Melhor” para definir o seu próprio plano em Dezembro vou oferecer a um número restrito de pessoas. Solicite já o seu por email.

2 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *